Deutschland online bookmaker http://artbetting.de/bet365/ 100% Bonus.

Download Template Joomla 3.0 free theme.

FAC, tradição no ensino de Comunicação Social

A Faculdade de Comunicação é uma unidade acadêmica da Universidade de Brasília que ministra cursos de Graduação, Mestrado e Doutorado em Comunicação. A Graduação  tem sua origem nos primeiros tempos da UnB, com a implantação das primeiras disciplinas de Jornalismo,  embrião da futura Faculdade de  Comunicação de Massa, estruturada em 1963.

Atualmente a Faculdade tem um curso diurno de Comunicação Social com três habilitações – Audiovisual, Jornalismo e Publicidade e Propaganda - com 686 alunos matriculados no primeiro semestre de 2013. O curso noturno com habilitação em Comunicação Organizacional, iniciado em 2010, tem 259 alunos. O Mestrado conta com 61 estudantes e o  Doutorado outros 53.

A FAC tem no total 59 professores, com ampla experiência acadêmica a profissional em suas áreas de formação e conhecimento.  Desses, 42 são Doutores, 10 Doutorandos, cinco Mestres e dois Graduados, dos quais 56 trabalham em regime de Dedicação Exclusiva e três em Tempo Parcial (20 horas).   

O curso de Jornalismo é nota máxima 5 (cinco), na avaliação de cursos do MEC/INEP, enquanto Audiovisual e Publicidade e Propaganda são nota 4 (quatro), cada um. Publicidade e Audiovisual  têm 4 (quatro) estrelas no Guia do Estudante da Editora Abril, versão 2012, e o Jornalismo nota 5 (cinco). A Pós-graduação  tem avaliação 4 (quatro) no conceito CAPES.

Criado em 1974, o Programa de Pós-Graduação é um dos mais tradicionais do país. Promove  o desenvolvimento da pesquisa em vários campos da Comunicação, por meio de suas quatro linhas de pesquisa, e forma pesquisadores e docentes em Mestrado e Doutorado, que atuam em organizações diversas e instituições de ensino superior públicas e privadas. Desde a criação, até o segundo semestre de 2012,  foram defendidas no Programa 326 dissertações de Mestrado e 33 teses de Doutorado.

 Além de participar de projetos de pesquisa coordenados por professores, vários deles premiados em encontros e congressos, os alunos de Graduação da FAC mantém em funcionamento três Agências Juniores – das habilitações Audiovisual, Jornalismo e Publicidade e Propaganda. Apesar de vinculadas a uma habilitação, cada Agência admite a participação de estudantes de habilitações distintas, incluindo do curso noturno Comunicação Organizacional. Estruturadas como pessoas jurídicas e espaços próprios dentro da FAC, prestam vários serviços para organizações públicas, privadas e do terceiro setor do Distrito Federal.

De acordo com o Projeto Pedagógico e a Estrutura Curricular de todas as habilitações da FAC, os alunos são obrigados a realizar, como Projeto Final de curso, um trabalho abrangente – pesquisa, monografia, de plano de comunicação ou um produto em áudio, vídeo, impresso ou internet. Esse trabalho é defendido perante uma banca formada por dois  professores mais o docente orientador e normalmente reflete todo o aprendizado de cada aluno em sua vida acadêmica na UnB.

 

Projetos de pesquisa e internacionalização

 Os professores da FAC desenvolvem uma série de projetos de pesquisa com a participação de alunos da graduação e pós-graduação, além de docentes e pesquisadores convidados.  Um dos mais tradicionais é o  Laboratório de Políticas de Comunicação (LaPCom), grupo de Pesquisa, Ensino e Extensão vinculado à linha de Pesquisa Políticas de Comunicação e de Cultura, do Programa de Pós-Graduação da FAC, que iniciou suas atividades em 1991. Desde 2009 o LaPCom é uma das entidades brasileiras responsáveis pela aplicação da pesquisa “Indicadores do Desenvolvimento da Mídia” no Brasil, em parceria com a UNESCO, e coordenou trabalhos nas cinco regiões brasileiras com especialistas e atores-chave. O resultado da pesquisa tem lançamento revisto para 2013.

Como parte de uma estratégia de internacionalização, que permita o intercâmbio de professores e estudantes de Graduação e Pós-Graduação, além de realização de projetos de pesquisa conjuntos com o exterior, a FAC mantém acordos de cooperação com instituições de outros Países. Destacam-se os acordos com a Universidade de Rennes I, da França; Universidade Autônoma de Barcelona, Espanha; Universidad de la República, Uruguai;  Fundação Ford, dos Estados Unidos; Universidade do Minho, Portugal e     Communications University of China.

A FAC participa ainda do Journalism Student Project, projeto de pesquisa transnacional, cujo  objetivo é mapear os diferentes valores, orientações e atitudes profissionais dos estudantes de jornalismo no mundo, a partir de sete países: além de Brasil, Chile, Austrália, Estados Unidos, México, Espanha e Suíça.

Também como parte desse processo de internacionalização vem sendo realizados encontros  e seminários que reúnem professores, pesquisadores e especialistas de vários Países. Em 2011 ocorreu na FAC o Seminário 100 de Mc Luhan e o Colóquio Internacional Mudanças Estruturais do Jornalismo. Já em 2012 foram realizados o Seminário Pluralismo e Liberdade de Expressão na América Latina e o Seminário Mídia e Política na América Latina.  

Instituição